BBB: paratleta Marinalva conta que filho é gay “mas não é afeminado”

Parece que o medo de ser afeminado é uma preocupação não só os machões dos apps afora, mas também de mães na televisão. É o caso de Marinalva, a mais recente sister do BBB.

Essa semana, a paratleta passou algum tempo conversando com Emilly no quarto azul. Durante o papo, Marinalva falou sobre sua família e conquistas pessoais. A sister contou que seu filho mais velho é gay, mas “extremamente cuidadoso”. “As pessoas pensam que ele é meu namorado”, afirmou orgulhosa.

“A gente sai na rua de mão dada, as pessoas pensam que estou pegando o novinho”, completou a paratleta também falou com carinho sobre seu filho adolescente. “Pedro é homossexual. Ele é muito…, não é afeminado”, contou Marinalva.

Durante o papo, a paranaense também comentou com Emilly que já estrelou uma propaganda nacional de cerveja. “O cachê foi ótimo”, disse a sister. “Já tive fotos que foram para outros países”, completou.

Sobre a maternidade, Marinalva revelou: “A gente não queria, se cuidou, se cuidou, um dia não se cuidou. Sei exatamente o dia que aconteceu”. A sister disse que manteve um relacionamento com o pai de seu primogênito e lembrou do ex com carinho: “A gente teve um problema grave, mas fora isso foi uma vida maravilhosa”. Para alguns defensores da causa LGBT, quando Marinalva conta que filho é gay mas não é afeminado alguns conflitos surgem, especialmente para pessoas que não vivem em nosso meio. “Algumas pessoas que dão audiência para o programa Big Brother Brasil podem achar que tudo bem ser gay, portanto que não seja afeminado, e isso não é a melhor maneira de encarar a diversidade”, afirmam em redes sociais.

Em um novo relacionamento, a paranaense afirmou querer ser mãe novamente. “Quero ter mais um filho. Como eu não me importo, eu torço para que venha um menino”. Maravilhosa e cheia de contradições essa Marinalva, não?

Post anterior Próximo post

Nenhum comentário

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.