George Clooney é gay e quer ser presidente dos EUA, afirma biografia

A galera gosta mesmo de jogar celebridades e pessoas públicas no armário, não é mesmo? Dessa vez sobrou para o galã George Clooney, ator, produtor e diretor de cinema e televisão norte-americano.

Uma biografia não autorizada de George Clooney garante que um dos mitos de Hollywood e um dos homens mais cobiçados do mundo é gay. A revelação foi feita pela revista italiana Chi, tipo nossa “Caras” daqui do Brasil.

Segundo a publicação, o ator de 55 anos planeja se lançar como candidato presidencial pelo partido democrata em 2020, com o apoio de Amal.

Segundo a Chi, o ator planeja se lançar como candidato presidencial pelo partido democrata em 2020, com o apoio de Amal.

O livro, chamado “Uma Ambição Secreta”, foi escrito pelas jornalistas Maëlle Brun e Amelle Zäid há pouco mais de um ano e traz não só cartas e fotos, como também algumas afirmações de amigos e pessoas próximas. A biografia conta que Clooney se casou com a lindíssima Amal Alamuddin, advogada de direitos humanos, para esconder a homossexualidade e também porque tem por objetivo chegar à presidência dos EUA em 2020. Pois é, a segunda parte é realmente curiosa e com um tom de “teorias da conspiração”, não acham?

E as polêmicas não param por aí:“Uma Ambição Secreta” também afirma que George Clooney é gay e tem um rolê de 20 anos com seu cabeleireiro, Waldo Sánchez. De acordo com a publicação “os dois são inseparáveis e Sánchez acompanha o astro em quase todas as suas viagens internacionais”.

Não foi informada a previsão de lançamento da biografia que promete causar no mundo das celebridades. Não é a primeira vez que livros como esse causam transtornos mundo afora, diferente do Brasil que existem leis que proíbem biografias não autorizadas.

banner rodapé do site_tres_novo aqui_f

Post anterior Próximo post

Nenhum comentário

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.