Sim, o secretário do Exército dos Estados Unidos é gay!

Parece o futuro, mas é apenas o Estados Unidos avançando quando o assunto é respeito e igualdade. Eric Fanning tornou-se o primeiro homem declaradamente homossexual a assumir o cargo de secretário do Exército dos Estados Unidos.

Há algumas semanas falamos sobre Harris Wofford, político norte-americano de 90 anos que reencontrou o amor em uma relação com outro cara, dessa vez o assunto é tão delicado quanto e envolve o orgão mais machista e problemático do país yankee: o exército.

O novo comandante vai coordenar os trabalhos das tropas terrestres norte-americanas. Neste cargo, Fanning responde diretamente ao secretário de Defesa do país.

Eric Fanning era até agora vice-secretário da Defesa, considerado conselheiro próximo do chefe do Pentágono, Ashton Carter. Esse cargo representa um dos mais altos escalões do Exército dos Estados Unidos.

Fanning recebeu o cargo em meio à política de integração dos homossexuais às Forças Armadas. As minorias sexuais receberam a oportunidade de servir no Exército depois da abolição da norma “não pergunte, não diga”, segundo a qual os homossexuais podiam entrar no serviço militar se não ostentassem a sua orientação.

A nomeação de Eric Fenning já foi saudada pela comunidade gay norte-americana, sempre consultada e participante ativa das políticas públicas do país. Quem sabe um dia chegamos nisso, né? ;(

Post anterior Próximo post

Nenhum comentário

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.