Os Simpsons: Smithers assume ser gay em nova temporada

Waylon Smithers, o puxa saco mais querido dos desenhos adultos, finalmente deixou de lado a insegurança e assumiu o que guarda há quase trinta anos. Em episódio inédio na FOX, exibido nos Estados Unidos, o personagem assumiu para Mr. Burns, seu “querido chefinho”, que é gay e que o ama!

De acordo com o USA Today, foram necessárias 27 temporadas para o que o “grande segredo” fosse revelado. Embora os fãs sempre tenham desconfiado (será? sempre achei que só Patty e Selma, irmãs da Marge, fossem do “time”), há poucos meses Al Jean, um dos produtores do desenho, confirmou a “suspeita”.

Jean também afirmou, em setembro de 2015, que “em Springfield a maioria das pessoas sabem que ele é gay, mas Burns obviamente não sabe disso”.

A nova história é também uma homenagem

Roteirista de “Os Simpsons”, Rob LaZebnik disse que o episódio “The Burns cage” – “A gaiola Burns”, um trocadilho e referência a “Gaiola das Loucas” -, para apoiar Johnny, seu filho de 21 anos que é homossexual.
A entrevista, publicada na última semana pelo New York Post, LaZebnik explica cheio de orgulho: “Sou um cara do interior dos Estados Unidos, então não sou muito do tipo que deixa as emoções à flor da pele, mas pensei: ‘Teria um jeito melhor de dizer ao meu filho que o amo independente de qualquer diferença do que escrevendo um história sobre isso no desenho mais famoso do mundo?'”.

Johnny, por sua vez, estudante de psicologia e cinema, comentou para o mesmo jornal: “Isso não é uma revelação do meu pai, mas sim uma prova de amor. Ele é incrivelmente aberto e somos muito próximos, o mais próximo que poderiam ser um pai hétero e um filho gay”, brinca.

banner rodapé site_tres_01

Post anterior Próximo post

Nenhum comentário

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.